Energéticos x Hipertensão ou Doença Cardíaca


>



Pessoas com pressão alta ou doença cardíaca deveriam evitar o consumo de bebidas energéticas, segundo estudo publicado este mês no periódico Annals of Pharmacotherapy. Isso porque, segundo pesquisadores do Henry Ford Hospital, nos Estados Unidos, o consumo dessas bebidas está associado ao aumento da pressão e da frequência cardíaca mesmo em pessoas saudáveis.

"O aumento na pressão sanguínea e na frequencia cardíaca são insignificantes para adultos saudáveis, mas pode revelar-se prejudicial para pessoas com condições relacionadas ao coração", explicou o pesquisador James Kalus.

No estudo, foram avaliados 15 adultos saudáveis que se abstiveram de outras fontes de cafeína dois dias antes e durante o acompanhamento. Durante sete dias, os participantes tomaram duas latas de um energético comum, e tiveram medidos a taxa cardíaca, a pressão e o eletrocardiograma várias vezes.

Os resultados indicaram um aumento de 7,8% na frequência cardíaca no primeiro dia e de 11% no sétimo dia. A pressão, por sua vez, aumentou em 7% tanto no primeiro quanto no último dia de acompanhamento. E não houve mudanças significativas no eletrocardiograma.

Os pesquisadores acreditam que os altos níveis de cafeína e taurina (aminoácido não-essencial encontrado em carnes vermelhas e peixes) nos energéticos podem ser os responsáveis pelo aumento na pressão e na taxa cardíaca. Os níveis de cafeína, por exemplo, são equivalentes a aproximadamente duas xícaras de café.

"Baseados nas nossas descobertas, recomendamos que pessoas que têm hipertensão ou doença cardíaca e estão tomando medicação evitem o consumo das bebidas energéticas por causa de um risco potencial para sua saúde", destacaram os autores.

Fonte: Annals of Pharmacotherapy. 
Energéticos x Hipertensão ou Doença Cardíaca Energéticos x Hipertensão ou Doença Cardíaca Revisado by ADMIN on 16:06 Nota: 5